Por causa de Geddel, senador quer acabar com notas de R$ 50 e R$ 100

Sérgio Petecão (PSD-AC) apresentou projeto que dá prazo de validade das cédulas altas

Foto: Divulgação/PFFoto: Divulgação/PF

O senador Sérgio Petecão (PSD-AC) apresentou projeto dando prazo de validade para as notas de R$ 50 e R$ 100, que durariam 90 dias. Depois disso, teriam que ser trocadas nos bancos. De acordo com a coluna do Estadão, a ideia do congressista é evitar o uso de dinheiro vivo nas campanhas eleitorais.

Petecão acha que a fórmula evitaria, por exemplo, que o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) usasse na eleição de 2018 os R$ 51 milhões que guardava em malas, se a fortuna não tivesse sido descoberta e ele preso. O projeto não leva em conta o custo da fabricação das notas.

Deixe seu comentário