Parada militar da 43ª CIPM conta com palestra do juiz da vara criminal de Itamaraju.

Na manhã desta terça-feira (31), aconteceu no auditório da 1ª Igreja Batista, em Itamaraju, uma parada militar com o efetivo da 43ª Companhia Independente de Polícia Militar, na qual o comando da unidade tratou de assuntos operacionais e administrativos do interesse da tropa.

No evento, inicialmente, foi realizada a apresentação do programa Sigespol, que está sendo implementado na Corporação com o objetivo de otimizar o registro de ocorrência policial, possibilitando um maior controle da produtividade policial, além de possuir outras outras funcionalidades. O programa está em fase de implantação na 43ª CIPM e será usado pelo efetivo da unidade, através de smartphones.

Na sequência, o Dr. Rodrigo Alves Rodrigues, juiz substituto da Vara Criminal de Itamaraju, ministrou uma palestra com o tema “As excludedentes de ilicitude”, com ênfase na legítima defesa por estar mais associada ao serviço policial militar. Na oportunidade, o magistrado apresentou o entendimento legal e doutrinário acerca do assunto, dirimiu dúvidas e prestou alguns esclarecimentos para os policiais militares.

A Major Kelly Ravani, comandante, agradeceu aos policiais militares pelo trabalho realizado, que tem contribuído com a redução dos índices de criminalidade na área de responsabilidade territorial da unidade e parabenizou o juiz criminalista pela palestra ministrada, entregando-lhe um certificado de agradecimento, em nome da tropa. Na parada militar em questão, também houve a entrega de título de policial militar padrão e a comemoração dos aniversariantes do mês.

Deixe seu comentário