Ano eleitoral: Temer promove  maior corte desde julho no preço da gasolina

 A Petrobras iniciou a sexta-feira, 16 de fevereiro, com redução de 3,9% nos preços da gasolina nas refinarias, o maior corte desde o de 5,9% por cento observado em 1º de julho do ano passado, quando a estatal colocou em prática uma nova sistemática de formação de cotações dos combustíveis.

 

Com o reajuste, a alta acumulada de lá para cá nos preços do derivado de petróleo, que chegou a superar 20% em alguns momentos, está agora em 6%.

Essa é a segunda redução expressiva para a gasolina no espaço de uma semana, no dia 9, a Petrobras já havia cortado o preço do combustível em 3%.

 

Paralelamente, a Petrobras anunciou também que os preços do diesel nas refinarias foram cortados em 2,3% a partir desta sexta-feira.

A baixa aconteceu após a notícia da publicação do Ministério da Fazenda dos preços médios de combustíveis que os estados adotariam para a cobrança de impostos a partir desta sexta-feira, 16, quando o litro da gasolina premium para o cálculo de imposto podia ultrapassar os R$ 7, na Paraíba, sendo considerada a mais cara de todo o país

Deixe seu comentário