Sobe para 20 número de mortes por H1N1 na Bahia

Dentre esses casos, 225 foram confirmados para Influenza, sendo 174 pelo subtipo A H1N1

O número de mortes por H1N1 na Bahia subiu para 20, segundo dados divulgados pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) nesta quarta-feira (6). Até o dia 2 de junho deste ano, foram notificados 1.166 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), com 87 óbitos. Dentre esses casos, 225 foram confirmados para Influenza, sendo 174 pelo subtipo A H1N1.

No mesmo período de 2017 foram notificados 300 casos de SRAG, com 23 óbitos.

   Dentre eles, 23 foram confirmados para Influenza, sendo dois casos de Influenza A H1N1 e nenhum óbito por A H1N1.

Ainda de acordo com a Sesab, os casos de A H1N1 foram confirmados em 45 municípios e os óbitos ocorreram em nove:

  • Salvador registrou doze (12) óbitos;

  • Apuarema (1);

  • Camaçari (1);

  • Irará (1);

  • Lauro de Freitas (1);

  • Retirolândia (1);

  • Saúde (1);

  • Serrinha (1);

  • Vitória da Conquista (1).

A faixa etária de maior ocorrência ficou entre os menores de cinco anos e maiores de 60, sendo que 60% dos óbitos ocorreram nesses grupos.


Edição Bell Kojima/Repórter Coragem

Deixe seu comentário