PETO prende casal por desacato e pertubação do silêncio no Bairro Liberdade

Na noite deste sábado, 06 de Junho, policiais militares do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PET0), da 87ª Companhia Independente da Polícia Militar, receberam um chamado de ocorrência de perturbação do sossega, na Avenida Padre José de Anchieta, no Bairro Liberdade II, em Teixeira de Freitas.

Ao chegarem no local, encontrou na residência de um casal, muito barulho de uma caixa de som amplificada, onde havia pessoas em aglomeração no interior do imóvel. Os policiais pediram para baixar o som, explicando ao casal que eles, além de estar perturbando os moradores com o som alto, estava também, descumprindo o Decerto Municipal 517/2020 da (Prefeitura Municipal de Teixeira de Freitas-Ba, que dispõe sobre restrições à locomoção de pessoas, suspenção de atividades não essenciais na forma desse decreto, no território do município de Teixeira de Freitas, em razão da epidemia da Covid-19).

Após explicação, o casal foi enfurecido, e começou a pronunciar, palavras de baixo calão, aos militares ao ponto do homem tentou puxar a arma de um policial, mas, não conseguiu. O policial da guarnição deu voz de prisão ao casal, de imediato, foi apresentado na delegacia da Policia Civil de Teixeira de Freitas, juntamente com a caixa de som amplificada.

Na delegacia o casal foi identificado como, Alberto Cunha dos Santos, 43 anos, e Joelma Rodrigues Lopes, 35 anos. O delegado do Plantão Territorial Bruno Ferrari, flagranteou o Alberto e a Joelma, por Resistência no Art.330 e Desobediência, no Art. 229, do Código Penal Brasileiro.

O casal, Alberto Cunha dos Santos, 43 anos, e Joelma Rodrigues Lopes, 35 anos, encontra-se preso na Delegacia Territorial da Polícia Civil de Teixeira de Freitas a disposição da Justiça

PHOTO JORNALISMO / Por: Lenio Cidreira

Deixe seu comentário