Itamaraju: MST ocupa parcialmente a prefeitura e exige o não fechamento de escola rural

 Confira a entrevista exclusiva com Leandro Dominicini – Play

Um grupo de assentados do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocuparam parcialmente o CEADI- Centro Administrativo de Itamaraju, no início da tarde desta segunda feira,  cerca de 150 pessoas estiveram no prédio da prefeitura,

 

Dentre varias reivindicações que vão desde a iluminação pública, até o patrolamento de estradas a principal é o não fechamento da escola do assentamento Goiânia e melhorias em outras unidades educacionais de assentamentos

 O Prefeito e alguns secretários receberam a comissão do MST e tiveram uma conversa pré eliminar que terão desdobramentos em outras reuniões agendadas para esta terça feira dia 06/02. Em fevereiro do ano passado eles estiveram na prefeitura, mas Angênica alegou que estava colocando a casa em ordem e por isso um ano depois eles estão de volta para cobrar as melhorias.

Deixe seu comentário