Cuba oferece a primeira vacina contra o câncer de pulmão grátis

Você se lembra quando as vacinas contra o câncer eram ficção científica? Pois cada dia estamos mais próximos de sua materialização e os melhores cientistas concentram todos os seus esforços em acabar com este problema.

Não importa sua procedência: todos os países investem parte de seus recursos para encontrar tratamentos e curas para a doença. Não hesitam em contratar as melhores mentes do mundo para conseguir este objetivo.

Mostra disso é a conquista sobre a que iremos falar. A primeira surpresa é que vem da mão de um acordo entre Estados Unidos e Cuba. 

As duas nações concordaram em compartilhar informações para desenvolver a primeira vacina contra o câncer de pulmão. E, no fim, os doutores cubanos conseguiram.

No entanto, não se trata de um medicamento preventivo, nem curativo. O que faz é frear a evolução da doença, de modo que o câncer se torna crônico, mas não mortal. 

Nem sequer seriam necessárias a quimioterapia ou a radioterapia. Deste modo, se evitaria uma das partes mais duras do câncer. Uma faceta que custa muito em ser superada, mesmo que cada vez mais suportável, graças aos avanços da ciência e das associações.

A primeira vacina contra o câncer de pulmão é surpreendente 

Médico explicando tudo sobre o câncer de pulmão

De acordo com o diretor do projeto, Fernando Ravsberg, a vacina apresenta muitas novidades.

Todos os tumores possuem em comum uma estrutura muito particular. Contêm uma molécula muito pronunciada que incide sobre seu crescimento. A vacina age sobre a mesma, por isso que impede o desenvolvimento celular.

A vacinação permitirá que a qualidade de vida das pessoas doentes melhore. Qualquer um que tenha sofrido com câncer, de forma direta ou indireta, sabe a importância disso.

Quando o estadio da doença é muito avançado, a vida se deteriora muito. É tão grave que existem aqueles que decidem não se tratar.

Em Cuba, a vacina já está sendo distribuída para os habitantes nacionais. Caso seja um estrangeiro, o tratamento se complica por questões políticas, mas pode ser conseguida.

O primeiro passo que é entrar em contato com Servimed para entrar no sistema de saúde de Cuba.

Deixe seu comentário